segunda-feira, maio 19, 2008

Histórias Inventadas? [20]

Foi Presidente do Conselho de Ministros por muitos anos.
Antes tinha sido Ministro das Finanças. Foi nesta qualidade que resolveu reclamar, junto do serviço competente, por considerar que a contribuição que o seu pai pagava pelas propriedades rústicas que detinha lá para os lados do Vimieiro, era demasiada alta, resultante talvez de erro de cálculo.
Vindo a reclamação de onde vinha, o serviço envidou esforços no sentido de resolver a questão rapidamente. Deslocou-se pessoal ao local. As terras foram medidas e remedidas. As contas foram feitas e refeitas.
Havia, efectivamente, um erro.
A área das propriedades constante da caderneta predial rústica era inferior à real. Assim, o valor da contribuição a pagar pelo pai do senhor ministro era superior ao indicado.
Desabafo do Senhor Ministro das Finanças: - Mas quem me manda a mim meter-me com as Finanças, se elas têm sempre razão?...

1 Comentários:

Blogger Madalena disse...

Nem um senhor ministro escapa à dura lei. Lex dura lex!!!! É assim, não é, em latim?beijinhos, Laurinha!

segunda-feira, maio 26, 2008 11:17:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home