domingo, dezembro 17, 2006

Os Aquecedores, o meu Neto e o meu Pai

Tinha três aquecedores, não contando com os fixos nas casas de banho. Um ardeu. Felizmente estava por perto. Outro, depois de o meu neto ter metido, nas ranhuras, papelinhos cortados, parecia uma máquina de fogo de artifício, cada vez que o ligava. Deitei-os para o lixo. Resta um. O mais antigo. Acabei de comprar um que pode ser regado, caso o meu neto o confunda com uma planta e pode cair ao chão, caso o mesmo neto, com um pontapé certeiro, queira enfiá-lo numa baliza imaginária. Nestas circunstâncias desliga automaticamente.
E fiquei a pensar que quem sai aos seus...
Vale de Prazeres é uma aldeia da Beira Baixa, muito fria no Inverno. A casa aquecia-se com a lareira e com braseiras. Nos quartos, de tão frios, os lençóis pareciam molhados. Lembro-me de a minha Avó mandar bruni-los com o ferro a carvão para ficarem mais confortáveis. Mas o meu Pai, talvez com a idade que o meu neto tem hoje, uma noite, lá teria achado que o ferro era insuficiente e enfiou na cama toda uma braseira que tapou cuidadosamente com os cobertores de papa. Valeu o colchão ser de folhelho e de a minha Avó ter sentido o cheiro a queimado antes de o fogo estar irremediavelmente instalado.

27 Comentários:

Blogger Madalena disse...

Tal bisavô tal bisneto!!!Como reage um agacê quando se lhes conta uma travessura de antigamente? Não é que seja bem uma travessura ou uma traquinice. Mas que deixa um adulto fora de si, certamente!
Já agora, Laurinha, onde é que se compram esses aquecimentos "agacêproof"? lol
Mil beijinhos para ti. N~~ao te estou a escrever do Polo Norte, mas a minha casa é tão fria que até parece!

domingo, dezembro 17, 2006 5:50:00 da tarde  
Blogger Pitucha disse...

Caso para dizer que quem sai aos seus ...
(Mas, cá para mim, ele também tem muito de inato!)
Beijos

domingo, dezembro 17, 2006 8:00:00 da tarde  
Blogger Torquato da Luz disse...

É inesgotável esse rosário, Laura. Obrigado pelo encantamento. Beijinhos.

domingo, dezembro 17, 2006 8:25:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Madalena
Espero que estejas com menos frio!Rowenta é a marca.
Beijinhos

domingo, dezembro 17, 2006 9:29:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Pituxa
Mas tem a quem a sair...
Beijinhos

domingo, dezembro 17, 2006 9:30:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Torquato
Tenho apenas que vasculhar as minhas memórias.
Agradeço as tuas palavras.
Beijinhos

domingo, dezembro 17, 2006 9:33:00 da tarde  
Blogger JPF disse...

Mudam-se os tempos, mas as traquinices permanecem, adaptadas às circunstâncias ...
Beijos

domingo, dezembro 17, 2006 10:05:00 da tarde  
Blogger Luh disse...

Eu dei uma boa gargalhada...Ai dei dei

domingo, dezembro 17, 2006 10:34:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

JPF
Sem dúvida!
Beijinhos

domingo, dezembro 17, 2006 10:43:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Luh
Ainda bem!
Beijinhos beirenses

domingo, dezembro 17, 2006 10:43:00 da tarde  
Anonymous Daniela Mann disse...

Beijinhos

segunda-feira, dezembro 18, 2006 1:24:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Faco votos que este Inverno na Beira (a nossa) nao seja muito frio.
Pelo menos que tenha o calor do conforto natalicio.

Boas festas.

segunda-feira, dezembro 18, 2006 7:20:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Daniela
Beijinhos

segunda-feira, dezembro 18, 2006 8:54:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Al Cardodo
Boas Festas, um santo Natal e um óptimo Ano Novo.
Fornos de Algodres! Bonita terra!

segunda-feira, dezembro 18, 2006 8:55:00 da manhã  
Anonymous casadaponte disse...

Não deixei também de me rir, e ao mesmo tempo pensar na aflição da avó!
Ora ainda bem que não uso braseiras!...Este fim-de-semana em Vieira do Minho às 21H a temperatura (exterior) era de 0º....Ah a interior rondou os 20º...
Beijinhos
M.Dores

segunda-feira, dezembro 18, 2006 2:06:00 da tarde  
Blogger MCM disse...

Ainda me lembro dos aquecedores de camas de cobre, com um cabo largo e a brasas, em casa da minha avó. Que regalo!
Agora, e como por cá tb faz bastante frio, vou-me remediando com um ventilador...
Que boas coisas tinham os antigos!
Ps: obrigado por teres digitalizado o texto prá Pitucha! :)

segunda-feira, dezembro 18, 2006 10:05:00 da tarde  
Blogger Caracolinha disse...

Olá Laura ... sou a caracolinha e venho aqui agradecer-te pessoalmente o carinho da mensagem que recebi através da "nuvenzinha" mais simpática da blogosfera ... :)

Fiquei feliz, muito feliz mesmo, com o sucesso da nossa Amiga bloguista mcm e como a felicidade, como todas as coisas boas, devem ser partilhadas, venho aqui dizer-te isto !!!!

Uma beijoca encaracolada para ti com a promessa de mais visitas ... :)

BOM NATAL, MUITO CARINHO, FELICIDADE e porque não, MUITAS CALORIAS !!!!

terça-feira, dezembro 19, 2006 8:26:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

M.Dores
Zero graus! Que frio! E vai arrefecer ainda mais!
Beijinhos beirenses

terça-feira, dezembro 19, 2006 9:13:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

MCM
Também me lembro desses aquecedores de cobre, mas não na casa da minha Avó.
Não tens nada que agradecer. Foi um prazer enorme.
Beijinhos

terça-feira, dezembro 19, 2006 9:14:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Caracolinha
Agradeço a visita. Tu não tens nada que agradecer. Foi um prazer e manda sempre.
Beijinhos beirenses

terça-feira, dezembro 19, 2006 9:16:00 da tarde  
Blogger Periférico disse...

Lá diz o ditado, quem sai aos seus... ;-)

Queria desejar um Bom Natal e um óptimo 2007!!!

Beijos

quinta-feira, dezembro 21, 2006 3:17:00 da tarde  
Blogger Isabel Magalhães disse...

Também recordo a casa dos meus pais, na baixa pombalina. Casa de amplitudes térmicas, grande, desconfortável. Invernos horríveis e sem o conforto dos 'edredons' de penas dos dias de hoje. Os lençóis também 'molhados', o peso dos cobetores 'de papa', que 'picavam' e das mantas de tear que a minha mãe mandava vir da Beira Litoral, região dos antepassados da minha avó.

Só tenho audades dos afectos que perdi. Dos tempos não!

Mesmo em criança tinha a sensação de que o 'amanhã' seria sempre melhor.

Deixo-lhe um beijinho.

quinta-feira, dezembro 21, 2006 8:02:00 da tarde  
Blogger AEnima disse...

O teu blog eh lindo... Ainda nao tinha vindo comentar porque ele eh tao rico, que me perco na leitura. Vim agradecer e retribuir os teus miminhos todos e desejar-te um 2007 com o coracao muito quente.

Mil beijinhos

terça-feira, dezembro 26, 2006 5:12:00 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

não sei quem fala e possivelmente não sou do mesmo tempo (nasci em 63) mas é sempre bom ver Vale de Prazeres por esta net fora. já agora quando passar novamente por Vale de Prazeres venha tomar um cafézinho no Café Central Bar acolhedor como sempre

quarta-feira, janeiro 10, 2007 12:32:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Anónimo de Vale de Prazeres
O Café Central Bar é o que fica em frente do solar da família Castelo Branco?

quarta-feira, janeiro 10, 2007 12:40:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

é esse mesmo e o anónimo de Vale de Prazeres é o proprietário

quarta-feira, janeiro 10, 2007 11:39:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Anónimo de Vale de Prazeres
Então conhecemo-nos. Ia sempre lá com o meu Tio Manuel, antes de ele falecer.
Boa noite

quarta-feira, janeiro 10, 2007 11:48:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home