terça-feira, julho 04, 2006

Histórias Inventadas? [6]

Da Residência Oficial do Primeiro Ministro passa-se para o Palácio de S. Bento através de um jardim.
Vivíamos um dos Governos Provisórios que se seguiram ao 25 de Abril.
O relógio marcava onze horas da manhã, mais coisa menos coisa.
Num dos corredores da Assembleia da República, uma senhora deslocava-se de robe e chinelos, daqueles bem felpudinhos, com dois pompons, tudo a condizer na cor verde água, pelo meio de fuzileiros que guardavam acerrimamente nem sei bem o quê.
Quem pensam que era?
Claro! A mulher dum Primeiro-Ministro, que havia optado por habitar a residência. Ia, sem dúvida, comunicar ao marido algo muito importante e urgente!

2 Comentários:

Blogger Pitucha disse...

Uhm, lá vou ter que fazer umas investigações para descobrir quem era!
Beijos

terça-feira, julho 04, 2006 9:01:00 da tarde  
Blogger Carlota disse...

A falta que faziam os telemóveis, hein?...
Beijola.

terça-feira, julho 04, 2006 10:13:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home