terça-feira, junho 13, 2006

Histórias Inventadas? [4]

Depois da Revolução de Abril.
Um Ministro da Agricultura, com ideias originais e diferentes, pretendeu pintar o seu Ministério de verde.
Verdes seriam os automóveis, verdes seriam as fardas dos contínuos, verde seria o mobiliário, verdes seriam as capas dos processos, verdes seriam as esferográficas, verde seria o timbre do papel. Enfim, tudo seria verde.
Não passou de um texto escrito a tinta verde sobre papel, talvez, verde.

5 Comentários:

Blogger Pitucha disse...

E, não tendo conseguido os seus intentos, ficou o ministro esverdeado?
Beijos

terça-feira, junho 13, 2006 3:16:00 da tarde  
Blogger Madalena disse...

Esverdeado ou verde de raiva... Ó Laura, tão giro. Eu acho que esse senhor, não é por nada, mas deve ser do Sporting. Tu não achas? É que há um senhor cá em casa que também escreve a verde!!!!! E é do Sporting!!!! Beijinhos para ti, Laurinha!

terça-feira, junho 13, 2006 4:58:00 da tarde  
Blogger JPF disse...

Não sei se um resto disso é aquele Diário da República que é publicado uma vez por ano em papel verde para lembrar, acho que é, a desbucratização...
Venham mais histórias !
Beijos

terça-feira, junho 13, 2006 11:41:00 da tarde  
Blogger Carlota disse...

Está tudo explicado.
Ficou tudo pelo papel porque ninguém conseguiu ler o verde sobre verde...
:)
Beijola.

quarta-feira, junho 14, 2006 4:33:00 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Pelo menos q ficasse a esperança de ver q não resultava.
Beijo
beirense

quarta-feira, junho 14, 2006 5:41:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home