quinta-feira, dezembro 22, 2005

É Natal!

Poema de Natal

Para isso fomos feitos:
Para lembrar e ser lembrados
Para chorar e fazer chorar
Para enterrar os nossos mortos —
Por isso temos braços longos para os adeuses
Mãos para colher o que foi dado
Dedos para cavar a terra.
Assim será nossa vida:
Uma tarde sempre a esquecer
Uma estrela a se apagar na treva
Um caminho entre dois túmulos —
Por isso precisamos velar
Falar baixo, pisar leve, ver
A noite dormir em silêncio.
Não há muito o que dizer:
Uma canção sobre um berço
Um verso, talvez de amor
Uma prece por quem se vai —
Mas que essa hora não esqueça
E por ela os nossos corações
Se deixem, graves e simples.
Pois para isso fomos feitos:
Para a esperança no milagre
Para a participação da poesia
Para ver a face da morte —
De repente nunca mais esperaremos...
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas
Nascemos, imensamente.

Vinicius de Moraes

Para todos os amigos que me visitarem:
Bom Natal! Boas Festas, Óptimo Ano Novo!

10 Comentários:

Blogger Madalena disse...

Laurinha, é taõ bonito este poema de Natal do Vinicius!
Para ti, um bom Natal. Um beijinho para ti e para todos os teus agacês, mesmo os maiorzinhos. São sempre os nossos agacês, não é?

quinta-feira, dezembro 22, 2005 5:19:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

É verdade, Madalena, são sempre os nossos agacês.
Obrigada e um grande beijinho para ti, para o Jorge e para toda a família.

quinta-feira, dezembro 22, 2005 6:15:00 da tarde  
Blogger Pitucha disse...

Uma das agacês também acha o poema bonito!
Boas Festas para todos e também para mim!
Beijos

quinta-feira, dezembro 22, 2005 10:18:00 da tarde  
Blogger Carlota disse...

Muito obrigada, pelo poema e pelos votos natalícios!
Feliz Natal!
Beijolas natalícias!

sexta-feira, dezembro 23, 2005 10:27:00 da manhã  
Blogger espumante disse...

Um verso, talvez de amor...
...
Falar baixo, pisar leve, ver a noite dormir em silêncio...

Que coisas bonitas dizia este homem :)
Um grande beijinho amigo para ti e que passes esta quadra na companhia dos teus na maior harmonia, no calor e no mimo que eles te darão e que para o ano cá estejas a contar histórias como as que costumas contar.

Um beijinho à Xana também, que ela não tem blog e não tenho como o fazer senão aproveitar a boleia da tua caixa de comentários.

Bom Natal!

sexta-feira, dezembro 23, 2005 12:26:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Carlota
Obrigada.
Muitos beijinhos

sexta-feira, dezembro 23, 2005 3:36:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Espumante
Agradeço as tuas palavras amigas e transmitirei à Xana o teu recado.
Muito beijinhos beirenses

sexta-feira, dezembro 23, 2005 3:37:00 da tarde  
Blogger Torquato da Luz disse...

Um beijinho, com votos de Boas Festas e Feliz 2006.

sexta-feira, dezembro 23, 2005 3:55:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Torquato
Para ti também - Boas Festas e Feliz 2006 - e que continues a deliciar-nos com os teus lindos poemas.
Beijinhos

sexta-feira, dezembro 23, 2005 4:48:00 da tarde  
Blogger lena disse...

beijos, lara! :)******

sábado, dezembro 24, 2005 5:47:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home