quarta-feira, outubro 19, 2005

Dois Relógios

Na sala tenho um relógio de caixa alta, de pêndulo e pesos. Dá as horas, as meias e os quartos e toca música.
No escritório tenho um relógio de parede, também de pêndulo e pesos que dá as horas e as meias e não toca música.
Estiveram ambos avariados algum tempo. Não conseguia encontrar quem os consertasse até que à minha mãe alguém indicou o Sr. Lourenço, pessoa competente, que ainda domina esta arte. E os relógios, após meses de descanso, recomeçaram finalmente o seu tique-taque contínuo, que eu gosto de ouvir.
Mas um atrasava-se e o outro adiantava-se. Na base do pêndulo existe uma pequena agulha (não sei se é assim que se chama) que fazemos rodar até que fique certo. E entreguei-me a essa tarefa. Todas as semanas, quando puxava os pesos, lá rodava, num para a esquerda, noutro para a direita, até que, ontem, finalmente consegui acertá-los.
E aqui começa o busílis da questão.
Dez horas da noite.
A televisão ligada e a minha filha a querer ouvir o que estava a ser debitado.
Os dois relógios, rigorosamente em simultâneo, começaram a dar horas.
- Mãe, pelo amor de Deus, os dois ao mesmo tempo, não!
- E agora? O que é que eu faço?

12 Comentários:

Blogger Pitucha disse...

Oops, que raio de situação! Aumentar o som da televisão, talvez...
Beijos

quarta-feira, outubro 19, 2005 5:38:00 da tarde  
Blogger Torquato da Luz disse...

E conseguem dormir, aí em casa, Laura? Um bj.

quarta-feira, outubro 19, 2005 7:02:00 da tarde  
Blogger t-shelf disse...

Ai meu deus e quando chega a meia-noite dão doze badatorturaladas? Socorro. Eu tenho muito amor à arte antiga mas eu e esses relógios não poderíamos conviver durante as horas de sono. A mim que até a chuva me acorda parece-me que deverias ter deixado os relógios sem badaladas Laurinha. E logo dois céus!

quinta-feira, outubro 20, 2005 10:11:00 da manhã  
Blogger t-shelf disse...

Eu, t-shelf, enfant terrible da blogosferocoisa, como gosto por desencaminhar pessoas idóneas e respeitadas para encontros com desconhecidos, venho por este meio intimá-la a estar presente no próximo destes duvidosos acontecimentos. Para mais pormenores contactar-me via email, telemóvel ou na imperiosa necessidade de manter a sua sanidade mental, consiga informações por interposta pessoa- via Madalena ou Pitucha.

quinta-feira, outubro 20, 2005 10:16:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Torquato
Por impossível que pareça, o som dos relógios não me incomoda.
Ouço é o silêncio quando não estão a funcionar e não gosto.
Beijinhos

quinta-feira, outubro 20, 2005 11:44:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Ti
O barulho da chuva também me acorda. As badaladas dos relógios não.
Mensagem captada e até breve.
Beijinhos

quinta-feira, outubro 20, 2005 11:47:00 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Por incrível que pareça, as badaladas não me acordam, a chuva também não ... aliás até os despertadores têm dificuldade em me acordar!!! O problema é tentar ouvir o que é que quer que seja quando os relógios se gladiam esganiçando-se para ver qual badala mais alto … um deles, como se isso não bastasse, resolve cantar além de badalar…

A filha

quinta-feira, outubro 20, 2005 12:37:00 da tarde  
Blogger Pitucha disse...

A outra filha, tá bem de ver! Porque a mim, tudo me acorda...
Mana primogénita

quinta-feira, outubro 20, 2005 1:44:00 da tarde  
Blogger JPF disse...

Talvez dessincronizá-los 1 ou 2 segundos para que um seja o eco do outro ...

sábado, outubro 22, 2005 9:59:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

Talvez seja a solução, jpf. Bom Domingo.

domingo, outubro 23, 2005 12:28:00 da manhã  
Blogger luis manuel disse...

Nesta situação - de complicada relojoaria, o melhor mesmo seria uma nova intervenção do Sr. Lourenço. Quem sabe ele não poderia manter o funcionamento regular dos mesmos, e "abafar" com a arte do seu engenho relojoeiro, as badaladas que cada um emite.
Seria algo de revolucionário !
Bom mesmo, é terminar o comentário antes que chegue a meia-hora !!!

Um abraço

domingo, outubro 23, 2005 1:29:00 da manhã  
Blogger Laura Lara disse...

Luís Manuel
Agradeço a visita à minha senda. Bem-vindo e continua. Bom Domingo.

domingo, outubro 23, 2005 1:45:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home