terça-feira, abril 26, 2005

A Torre do Tombo

Fui hoje visitar a Torre do Tombo. Vivendo em Lisboa há tantos anos, eram poucos ou nenhuns os museus e locais de interesse que já tivesse visitado. É triste conhecermos mais do estrangeiro do que do nosso próprio país. Quando me aposentei, decidi que todas as semanas faria uma visita. Já fui ao Museu de Arte Antiga (duas vezes), mas ao British Museum fui dezoito vezes. Já fui ao Museu do Chiado, ao Museu da Farmácia (muito interessante), ao Museu da Carris, ao Museu da Maçonaria, ao Museu do Traje, ao Museu Militar, à Academia Militar aos Palácio Marquês de Fronteira, ao Museu de Macau, ao Museu da Gulbenkian, ao Museu Vieira da Silva, ao Museu da Cidade, à Fundação Eugénio de Almeida e mais uns tantos. Temos, de facto, um acervo artístico belíssimo e riquíssimo, mas nota-se, muitas vezes, que o dinheiro que atribuímos à cultura é insuficiente. Sem querer polemizar, pergunto-me se construir estádios de futebol era mesmo mais importante.
Voltando à Torre do Tombo. Qualquer pessoa pode consultar obras ou documentos que se encontram em deplorável estado de conservação. Por falta de pessoal não estão microfilmados nem copiados em qualquer outro suporte, pelo que são os próprios originais que são disponibilizados. Faz-me pena pensar que os meus netos talvez já não tenham a possibilidade de os conhecer por, entretanto, se terem deteriorado por completo.

2 Comentários:

Blogger JTS disse...

Não seja tão pesssimista quanto ao estado de consevação dos documentos.
Já lá estive muitas vezes a consultar documentos e o mais antigo que consultei sobre Duarte Galvão Cronista-mór do Reino no tempo de D. João II estava em muito bom estado e tiraram-me umas fotocópias muito legíveis.
Espero bem que os seus netos e os meus se se interessarem por genealogia vão ter a oportunidade de terem muitas alegrias com as pesquisas na Torre do Tombo.
Cumprimentos pelo seu blog que está muito interessante.

quinta-feira, junho 26, 2008 6:52:00 da tarde  
Blogger Laura Lara disse...

JTS
Agradeço o seu comentário.
Será que já nos vimos por aí?
Vou espreitar o seu blogue.

quinta-feira, junho 26, 2008 7:16:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home